Gil Cutrim, Tábata Amaral e demais deputados do PDT que votaram pela retirada de direitos sociais na reforma da Previdência são punidos pelo partido

Oito deputados federais do PDT tiveram sua suspensão das atividades e representação do partido anunciadas nesta quarta-feira por votarem a favor da reforma da Previdência de Bolsonaro e Guedes e contra os trabalhadores e a orientação partidária. Entre estes, a deputada por São Paulo, Tábata Amaral, alçada a “ícone” após enfrentamento com o ex-ministro da […]

Leia mais

URGENTE: rolo compressor da reforma da Previdência acionado contra trabalhadores, que fazem atos em Brasília e nos estados: participe

Após aprovação na Comissão Especial por 36 a 13, a proposta de contrarreforma do Governo está no Plenário da Câmara, onde precisa passar por duas votações com no mínimo 308 votos a favor (em cada turno) para que seja aprovada. O presidente da Casa, Rodrigo Maia, avalista da proposta perante o mercado financeiro, pretende dar […]

Leia mais

Veja como está a intenção de votos dos deputados maranhenses e envie carta pressionando contra a reforma da Previdência

Com a aprovação do texto principal do relator da reforma da Previdência na Comissão Especial da Câmara nesta quinta-feira, 4, por 36 votos a 13, a ordem é acompanhar como está a intenção de votos no Plenário da Casa e pressionar os deputados em suas bases para que saibam que, em traindo o trabalhador, pagarão […]

Leia mais

Site do Sintrajufe traz editoria dedicada à luta contra as reformas que retiram direitos dos trabalhadores

Em razão do avanço dos ataques aos direitos dos trabalhadores e às instituições que lhes garantem, como ataque à justiça e ao ministério público do Trabalho, contrarreformas da previdência, trabalhista, ataques às instituições que garantem a preservação do meio ambiente como o IBAMA, à fiscalização do trabalho escravo e outros itens da pauta regressiva em […]

Leia mais

Presidente do TST considera “equívoco” a justificativa de criação de empregos utilizada para aprovar reforma trabalhista

O presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), ministro João Batista Brito Pereira, declarou que o discurso de geração de empregos, acionado para aprovar uma drástica reforma trabalhista sob o governo Temer, foi um “equívoco”. Em que pese a mea culpa feita pelo presidente da principal corte trabalhista do país, ela não fará com que […]

Leia mais