Onda de Covid19 e Influenza: Sintrajufe solicita suspensão das atividades presenciais

No último 5 de janeiro de 2022, o SINTRAJUFE MARANHÃO, ante a nova onda de Covid19 – a qual se somou o surto de Influenza (vírus H1N1 e H3N2) que vem se alastrando pelo país, oficiou aos órgãos da base – tribunais e procuradorias federais – que suspendam, por pelo menos trinta dias, o trabalho presencial em suas sedes e demais representações, como forma de colaborar para impedir o agravamento da situação entre servidores, estagiários, terceirizados, usuários e seus familiares (veja ofício no link abaixo).

Para se ter uma ideia, nos últimos dias, o número de casos registrados no Maranhão saltou, segundo dados da Secretaria de Saúde divulgados na imprensa, mais de 350%, entre quinta e sexta-feira, 6 e 7 de janeiro. A vacinação tem contribuído para que internações e óbitos não aumentem na mesma proporção, embora a procura pelos serviços de saúde públicos e privados tenham aumentado exponencialmente – somado à onda da Influenza (vêm sendo observados pelo país casos de contaminação simultânea). Em São Luís, é possível realizar testes rápidos de Covid19 nas redes pública e privada, farmácias e também nos terminais de integração – aqui disponibilizados pela Prefeitura de forma gratuita.

Além de solicitar, fundamentadamente, a suspensão temporária do trabalho presencial, o Sindicato, solicita, ainda, audiência com as Administrações para juntos avaliarem a situação. Reivindica também que sejam levados em conta na tomada de decisões orientações científicas a respeito, como as emanadas da Organização Mundial de Saúde.

Resposta

O Sindicato solicitou suspensão presencial emergencial já a partir desta sexta-feira, 7.

Até o momento, apenas a Justiça do Trabalho respondeu, indeferindo o pedido, alegando que vem observando as normas sobre o assunto e que seu Serviço Médico não orientou, até o momento, tal medida (veja despacho do TRT Maranhão abaixo). Sobre a solicitação de audiência pelo Sindicato, entretanto, o Tribunal não se pronunciou.

A diretoria colegiada do SINTRAJUFE MARANHÃO vem acompanhando com cuidado o assunto e o desdobramento da situação no país e no Estado, e continuará cobrando de todos os órgão posição responsável sobre este delicado momento, e solicita de sua categoria o reforço com a prevenção, a atenção com a vacinação e a observação dos meios de informação do Sindicato que pode, a qualquer momento, convocar Assembleia para que discutamos o assunto.

  • Minuta do ofício enviado aos órgãos:

Ofício RETORNO TELETRABALHO 2022 – corrigido

  • Despacho resposta do TRT/MA:

PA 114_2022 – Indefere Requerimento SINTRAJUFE