Pauta Local

Sintrajufe comunica suspensão do atendimento em sua Sede por 15 dias, a partir de 18/03

Em respeito à saúde de seus trabalhadores, de sua base e de seus fornecedores, o Sindicato dos Trabalhadores do Judiciário Federal e MPU no Estado do Maranhão – SINTRAJUFE/MA, entidade representativa dos servidores ocupantes de cargos de provimento efetivo nos órgãos que compõem o Judiciário Federal e MPU no Maranhão, vem, pela presente nota, comunicar a suspensão temporária, por quinze dias a partir desta quarta-feira 18 de março, do atendimento presencial em sua Sede Administrativa, na rua de Santaninha, Centro de São Luís.

A medida se dá em razão da luta pela contenção da disseminação e também prevenção ao Covid19, que tem se espalhado pelo país e cujas consequências podem ser graves, especialmente para grupos de risco (acima de 60 anos, hipertensos, imunidade reduzida, entre outros) . Ao final desse período, a medida será reavaliada pela Diretoria Colegiada do Sindicato.

Nesse tempo, o atendimento se dará através dos canais de comunicação do Sintrajufe na Internet como o site www.sintrajufema.org, pelas redes sociais do Sindicato (@sintrajufema) ou pelo telefone da Secretaria, (98 9 8899 0822, também WhatsApp), e e-mail secretaria@sintrajufema.org.br. O telefone estará disponível durante o horário de expediente, das 11h às 17h, de segunda a sexta-feira, para quaisquer solicitações.

Dessa forma, o Sindicato vem se juntar ao esforço contra a propagação do Covid19, e aproveita para chamar sua categoria a aderir às manifestações do 18 de março através das redes, na defesa do serviço público, como a prestação jurisdicional, a pesquisa, a ciência e tecnologia, a educação e a saúde públicas, essenciais armas de combate à pandemia. A medida segue a sensatez que se procura ter nesse momento, ao evitar contato físico mas sem abrir mão de nossas pautas urgentes contra medidas que afetam os servidores públicos e a prestação dos serviços à sociedade, como a proposta de reforma administrativa do governo e a PEC Emergencial – esta já em tramitação no Senado – e que, se aprovadas, podem levar à suspensão dos concursos públicos, ao fim da estabilidade, à redução salarial em até 25% e suspensão de promoções e progressões previstas em lei, destruindo carreiras e comprometendo o atendimento à população.

O Sindicato conclama os servidores, filiados ou não, a aderir às mobilizações desse dia, compartilhando informações que esclareçam a população sobre essas ameaças, e também a defender seus direitos e salários, já comprometidos ante a elevação da contribuição previdenciária advinda da reforma da Previdência (que precisa ser urgentemente revista) bem como a manutenção de uma tabela extorsiva do Imposto de Renda e diante da Emenda Constitucional 95, que muito já fragilizou a prestação dos serviços, congelando o investimento no setor público: nossa luta segue.

Ao mesmo tempo, orientamos a não-propagação de informações não comprovadas sobre o Covid19. Nesse sentido, qualquer link de site desconhecido pode e deve ser objeto de dúvida, checagem e comparação com outras fontes de informação. Reforçamos ainda o chamado à defesa dos serviços públicos, compartilhando mensagens que chamem a atenção para este tema, bem como matérias sobre as ameaças que representam medidas como a proposta da reforma administrativa e a PEC Emergencial. Vamos manter nossas mobilizações em defesa dos serviços, para, ao retornamos à normalidade, avançarmos ainda mais na luta e derrotarmos a tentativa de destruição do serviço público, patrimônio de todos os brasileiros e brasileiras, tão necessário numa hora de crise como a que enfrentamos!

São Luís (MA), 17 de março de 2020

Sintrajufe/MA