Destaque Luta contra as reformas Pauta Nacional

Greve do dia 18, pauta jurídica e representação na Ampliada da Fenajufe: Sintrajufe convoca Assembleia Geral

Segundo noticiamos nesta quinta-feira dia 20, os servidores do Judiciário Federal e MPU em vários Estados já deliberaram adesão à greve em defesa do serviço público no próximo dia 18 de março, contra o aumento da contribuição previdenciária e pela retirada da PEC que diminui salários (PEC “Emergencial 186/2019). São eles: Rio de Janeiro, São Paulo, Alagoas, Sergipe, Minas Gerais, Goiás, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Outros estão em processo de realização de Assembleias Gerais sobre o assunto, a exemplo do Sintrajufe Maranhão.

Nesta sexta-feira, a Diretoria Colegiada do Sindicato marcou a Assembleia Geral para a segunda-feira 2 de março, publicando o seguinte Edital de Convocação:

 SINTRAJUFE – EDITAL DE CONVOCAÇÃO 01/2020

 A Diretoria Colegiada do Sindicato dos Trabalhadores do Poder Judiciário Federal e Ministério Público da União no Estado do Maranhão – SINTRAJUFE/MA, no uso de suas atribuições, em cumprimento ao disposto no art. 22 do Estatuto que rege a Instituição, CONVOCA os servidores dos órgãos do PJU e do MPU para Assembleia Geral, que se realizará no dia, horário e local que segue:

Data: Segunda-feira, 02 de março de 2020, às 15h30, na Sede da Justiça Federal, no Bairro da Areinha, em São Luís

Na ocasião, será discutida e deliberada a seguinte PAUTA:

1) informes nacionais e a greve no serviço público no dia 18 de março;

2) Informes jurídicos e deliberação sobre processos judiciais;

3) Escolha de representante para a reunião Ampliada da Fenajufe, que acontece dia 7 de março, em Brasília/DF.

São Luís, 21 de fevereiro de 2020

A Diretoria Colegiada do SINTRAJUFE/MA

 

Dada a importância das discussões e deliberações a serem tomadas na ocasião, o Sintrajufe reforça a necessidade de todos os servidores participarem, tanto para se informarem sobre a tramitação das propostas que atacam seus direitos, como para juntos traçarem as estratégias de resistência.

Além do Judiciário, vários ramos do serviço público já decidiram por paralisar suas atividades nessa data. Um dos setores mais atuantes na construção da mobilização é o da Educação Pública, com os sindicatos do setor realizando assembleias por todo o Estado para construir o movimento.

Nesse sentido, a posição de vanguarda histórica do Sintrajufe e de sua categoria na defesa dos direitos dos trabalhadores é fundamental para um movimento vitorioso: todos e todas à Assembleia Geral do dia 2 de março, às 15h30, na Justiça Federal!